RSS

Sugestão para conto : Os três jacarezinhos e o javali bundudo



Costurei em um boné o tecido verde, em TNT os dentes e os olhos, costurei também os lacinhos e fita para ser a mamãe jacaré contando a  aventura dos seus filhotes  na história dos " 3 jacarezinhos e  o javali bundudo".


OS TRÊS JACAREZINHOS

Era uma vez, três jacarezinhos que viviam com a mãe em um pântano láááááá lonje.
Um dia, a mãe disse...
__ Já é hora de vocês, rapazinhos, viverem por conta própria. Cuidem de construir casas fortes, o bastante para se protegeram do javali bundudo. O lanche preferido dele é um jacarézinho bem gordinho e macio.
Os três jacarezinhos partiram.
Logo encontraram algumas pedras.
__Arrá! Disse Jaca  primeiro. Uma casa de pedras vai ser forte o bastante para me proteger do javali Bundudo.
__Péssima escolha! Disse Jaca segundo. __Pedras são pedras, e dão muito trabalho.
Muito trabalho mesmo! Disse o jaca terceiro.
__Pesadas ou não, eu vou construir minha casa com pedras.
E Jaca primeiro começou a empilhar PEDRAS. Seus irmãos mais velhos deram ‘’tchau’’ e continuaram andando. Até que...
PLUFT! Um graveto caiu na cabeça de jaca segundo. Ele olhou para cima. Era o gavião que fazia um ninho na árvore logo ali.
__Arrá! Vou construir uma casa de gravetos. Assim vai ser mais fácil.
__Péssima escolha, disse Jaca terceiro.__Ainda assim, é muito trabalhoso. Jaca terceiro deu ‘’tchau’’ e continuou andando, até que...
CHUÁÁÁÁÁ! Jaca terceiro chegou a um rio, e parou para descansar sobre a areia fofa da margem.
__Arrááá! Uma casa de areia vai ser mais fácil de construir – disse.
__Então fez um grande monte de areia e nele cavou um túnel. A porta, ele fez de galhos.
__ Rá ! Riu Jaca terceiro. Javali bundudo nem vai saber que isso aqui é uma casa. Rastejou para dentro e dormiu.
Algum tempo depois, um barulhão acordou Jaca terceiro.
_Roinc, roinc! Oinc, oinc!__Jacarezinho, deixe-me entrar! Um jacarezinho macio estou a cheirar!
Jaca terceiro, estremeceu dentro da casa, mas respondeu!
__Vá embora bundudão! A porta eu não abro não!
__Então eu vou sacudir seu traseiro! Bum, bum, bum, e...vou esmagar essa casa! Javali bundudo remexeu os quadris e deu uma bundada na casa do Jaca terceiro.
Voou areia pra todo lado.
Jaca terceiro correu mais do que gato atrás de rato. Saiu rastejando pelos arbustos e foi rastejando pelos arbustos e foi para casa de Jaca segundo.
Não demorou nada, até que os dois jacarezinhos ouvissem um grande barulhão.
_Roinc, roinc! Oinc, oinc!__Jacarezinhos, me deixem entrar. Dois jacarezinhos macios estou a cheirar... Correr atrás de vocês me fez emagrecer. Agora preciso de dois jacarezinhos para me fortalecer!
Os dois jacarezinhos tremeram de medo   ao ouvir a voz do Javali BUNDUDO, mas responderam!
__Vá embora Javalizão! Aqui você não põe o seu bundão!
__Então eu vou sacudir o meu traseiro! BUM, BUM, BUM. Eu vou esmagar essa casa, disse Javali Bundudo!
E remexeu os quadris e deu uma bum-bundada na casa do Jaca Segundo. Voaram gravetos para todo lado.
JacaSsegundo e Jaca Terceiro, correram mais rápido do que cobra atrás de coelho.E, aceleraram mato a dentro. Chegaram na casa de Jaca Primeiro.
Não demorou nada, até que os três jacarezinhos ouvissem um barulhão.
_Roinc, roinc! Oinc, oinc!__Jacarezinhos, me deixem entrar. Três jacarezinhos macios estou a cheirar... Correr atrás de vocês me fez emagrecer. Agora preciso de três jacarezinhos pra me fortalecer!
Os três jacarezinhos chocoalharam de medo do Javali Bundudo, mas responderam!
__Vá embora seu porção! Você e o seu bundão!
__Então eu vou sacudir o meu traseiro! BUM, BUM, BUM.Eu vou esmagar essa casa, disse Javali Bundudo!
E sacudiu, remexeu e rebolou, mas não conseguiu esmagar a casa do Jaca Primeiro.
__Eu ainda pego vocês! Bufou o Javali Bundudo!
Ele subiu no telhado e vou se espremendo chaminé adentro.
Grunhiu, guinchou e bufou e roncou... e assim foi descendo.
Mas os três jacarezinhos estavam prontos pra ele.
__PÉSSIMA, escolha! Gritaram.
Quando o Javali bundudo finalmente se livrar do aperto da chaminé, caiu bem em cima da grelha quente da churrasqueira de Jaca primeiro.



0 comentários:

Postar um comentário