terça-feira, 30 de setembro de 2014

Sugestão para conto: Dô minhoca




DÔ MINHOCA
Desde pequena Dô gostava de dormir, e muito.  Bastava esticar o corpo um pouco de lado e ela logo estava dormindo.
Esticada, enrolada de cabeça para cima, cabeça para baixo. De qualquer jeito Dô embalava um sono que ia até o dia seguinte.
A comunidade das minhocas era bem agitada. Ocupadas em fazer coisas, cavar buracos e realizar tarefas sem parar.
Dô gostava disso, só que tanto trabalho dava muita fome e depois de comer, logo ia cochilar um pouco...
As minhocas comem de tudo: pedaços de folhas, frutas, raízes, etc.
Dô sabia que este trabalho debaixo da terra criava um ambiente rico em plantas e bichos, um mundo que ela sonhava em conhecer melhor Dô tinha muitos amigos.
Certo dia a terra tremeu. Uma pá abriu um buraco e um homem apanhou um monte de minhocas e jogou num balde. As minhocas se remexiam tentando fugir e Dô também ficou presa ali. Antes de tentar  pular para o chão Dô Minhoca  olhou com curiosidade para aquelas novas paisagens.
Dô olhou o sol vermelho descer e depois a lua prateada subir devagar. Até perdeu o sono e passou a noite acordada querendo entrar naqueles buraquinhos de estrelas.
Nunca imaginou que o mundo podia ser tão grande.
De manhã Dô foi pega por um pássaro que procurava alimento.
Ele voou alto e Dô se debateu muito. Seu rabo acabou batendo no olho do pássaro, que a soltou.
Ela caiu lá de cima sobre a grama fofa sem se machucar.
Dô resolveu  ver se encontrava o caminho do minhoqueiro. Dô cavou, revirou mas não achou o caminho de casa.
Já estava desistindo quando … Dô ficou aliviada e feliz ao saber  que  encontrou o caminho do minhoqueiro. Em casa, Dô encontrou os amigos .
Seu coração de minhoca disparou e ela desmaiou de cansaço e felicidade.

Agora Dô queria mesmo dormir, sonhar e acordar de verdade.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Professora Geórgia Template by Ipietoon Cute Blog Design