sexta-feira, 4 de abril de 2014

Sugestão para hora do conto



História:
A CASA  DO COELHO
LUCIA REIS

ERA UMA VEZ UM COELHO.
SUAS ORELHAS ERAM COMPRIDAS, SEU RABO BEM FOFINHO
E SEUS OLHINHOS VERMELHOS.

O COELHO MORAVA EM UM BURACO CAVADO
NO TRONCO DE UMA  ÁRVORE BEM GRANDE.

CERTO DIA, O COELHO , CANSADO  DE SUA TOCA, RESOLVEU SE MUDAR.
ARRUMOU SUA CENOURINHA  E SE PÔS NA ESTRADA  A PROCURAR.
MAIS DIA, MENOS DIA, COM CERTEZA  ENCONTRARIA UMA NOVA CASA
PARA MORAR.

NO PRIMEIRO DIA O COELHO ENCONTROU
UMA BOTA  DE COURO BEM VELHA CAÍDA NO MATO.
ALÉM DE POUCO APERTADAA, ERA MUITO FRIA DE FATO  .

NO SEGUNDO DIA,O COELHO ENCONTROU UMA PANELA DE PRESSAO.
APESAR DE BEM QUENTINHA, VIVER DENTRO DE UMA PANELA
NÃO É A MELHOR OPÇAO.

NO TERCEIRO DIA, O COELHO ENCONTROU  UM MONTE DE GARRAFAS.
MEDIU BEM CADA UM DOS GARGALOS E DESIDIU.
POR ALI NENHUM COELHO PASSA.


NO QUARTO DIA, O COELHO ENCONTROU UM VIOLAO.
ERA ESPAÇOSO E BACANA, MAS COMO TODO BOM VIOLÃO,
AINDA MANTINHA O HÁBITO  DE FAZER UM BARULHAO.

NO QUINTO DIA, O COELHO ENCONTROU UM BALAO DE PAPEL FINO,
LÁ NO  ALTO, TAO BONITINHO O COELHO , QUE NÃO  É BOBO,
CONTINUOU  PROCURANDO. QUEM  MORA NO CÉU É ANJINHO.

NO SEXTO DIA,  O COELHO ENCONTROU UM CARTOLA.
- ATÉ QUE ENFIM! – FALOU  BEM ALTO O COELHO. – JÁ ERA HORA.
O COELHO  FOI BEM RÁPIDO  DAR UMA OLHADA.
A CARTOLA ESTAVA INTEIRINHA E, POR SORTE,
DESOCUPADA. O POMBO QUE ALI MORAVA
 TINHA ACABADO  DE IR EMBORA.

O COELHO, MUITO SATISFEITO LOGO  SE INSTALOU.
SÓ DEPOIS DE UNS POUCOS  DIAS O COELHO ENTENDEU
PARA ONDE FOI QUE SE MUDOU.
 A CARTOLA PERTENCIA  A UM  GRANDE MÁGICO.

E O COELHO ALÉM DE UMA CASA NOVA,
CONSEGUIU  UM EMPREGO MANEIRO.
VIROU ARTISTA DE CIRCO E NÃO LARGA MAIS O PICADEIRO.




0 comentários:

Postar um comentário

 

Professora Geórgia Template by Ipietoon Cute Blog Design